Passar para o Conteúdo Principal
CM Bragança

Sm’arte – Festival de Street Art de Bragança

Destaque 740x410 1 720 1000
27 de Junho de 2017

No âmbito da estratégia municipal de transformar Bragança numa cidade mais inteligente, cosmopolita, criativa, inclusiva e atrativa, teve lugar, de 23 a 25 de junho, o Sm’arte - II Festival de Street Art de Bragança.

Sob o mote “Bragança Uma Cidade de TODOS e para TODOS”, 11 artistas e duas escolas (Agrupamento de Escolas Emídio Garcia e Escola Superior de Educação de Bragança) deram mais cor e vida aos edifícios e muros do Bairro Social da Mãe d´Água, à ponte pedonal do Forte S. João de Deus, ao Centro Ciência Viva e ao pombal sito na encosta do Castelo.

Draw, Bruno Santinho, Daniel Eime, Leon Keer, Lucky Hell, Contra, Glam, Mar, The Caver, Trip Dtos e Duarte Saraiva, bem como alunos do Agrupamento de Escolas Emídio Garcia e da Escola Superior de Educação de Braganca, deram mais cor e vida aos locais de intervenção.

No primeiro dia do Festival, foi inaugurada, no Foyer do Teatro Municipal, a exposição com obras de arte dos artistas de Street Art que participaram no Festival, patente até 21 de julho.

Na Avenida Sá Carneiro foi inaugurado o mural “Before I Die,“O meu Sonho é…”, um projeto de arte global, implementado pela primeira vez em Portugal, em espaço público, e que convida as pessoas a refletir sobre as suas vidas e a partilhar as suas aspirações.

Teve, ainda, lugar a inauguração do muro “Sm’arte”, no Jardim Dr. António José de Almeida, o primeiro local em Bragança onde será possível, de forma livre e legal, qualquer cidadão realizar intervenções de Street Art.

Na tarde do dia 24 de junho, o Bairro Social da Mãe d´Água teve mais vida, com atividades de parkour, danças de rua, por grupos locais, e a Zumba Color.

À noite, na Praça Norte do Teatro Municipal, teve lugar a conversa com os artistas, moderada por Pedro Cepeda, na qual foi abordada a temática do Street Art e a importância que a mesma tem na reabilitação dos espaços, melhoria da atratividade e criatividade das cidades.

No âmbito do Festival foi, ainda, promovido um roteiro das francesinhas, com 21 restaurantes aderentes.

Este festival, que envolveu a comunidade local, teve como principais objetivos transformar Bragança numa referência nacional na reabilitação urbana, através do conceito de Street Art, estimular a participação e criatividade dos artistas em diferentes artes, melhorar a imagem da cidade, requalificar o espaço público e atrair novos turistas ligados ao conceito de arte urbana de rua.

Registo Fotográfico

voltar ao topo
área de munícipe

Aceda à sua Área de Munícipe para ter acesso à Subscrição de Newsletter, entre outras funcionalidades.

Câmara Municipal de Bragança
Forte S. João de Deus
5300-263 Bragança
Tel: 273 304 200 | Fax: 273 304 299

logótipos EU